17 de mai de 2011

Exportando para EPUB no inDesign CS5.5

Uma das boas novidades do InDesign CS5.5 é a exportação para EPUB.
Pra começar, agora voce vai em FILE / Exportar e na caixa que se abre pra salvar o arquivo voce tem várias opções, entre elas o formato EPUB.


Na nova caixa de exportação voce tem mais opções que o CS5.
Vamos por partes.

Primeira aba:
Escolher a imagem da capa, por exemplo. Pode estar no layout ou pode usar uma imagem à parte. Isso voce escolhe em EPUB Cover.
Mais abaixo, voce define as margens que o ebook terá.
Atenção: colocar margens fixas no InDesign corre o risco do seu ebook ser aberto num leitor pequeno e o resultado será um texto estreito de margens enormes.
Com essa opção, as margens ocuparão uma porcentagem da largura da tela, tanto faz se for aberto num leitor pequeno ou num monitor.


Na segunda aba, Imagem, temos uma ótima novidade.
As imagens não precisam mais ser fixas, nem voce vai se dar ao trabalho de inserir scripts para torná-las escalonáveis.

Na opção Image Size, mude para Relative to Page.
Assim a imagem ficará na largura do texto, pegando toda a página.
Cuidado com as imagens pequenas: gráficos, por exemplo. podem ficar horríveis com esse recurso.
Infelizmente, isso vale pra todas imagens do ebook. À menos que voce interfira no CSS.
A qualidade da imagem é ideal voce deixar sempre em High.
Quanto ao formato, tanto faz Progressive ou Baseline. Não tem muita alteração.


Vamos à aba Conteudo
Além de inserir o nome do arquivo da TOC, voce pode incluir um estilo para quebra de páginas em Break Document at Paragraph Style.
Pode escolher onde aparecerão as notas de rodapé: no final do capítulo ou logo após o parágrafo, entre outras coisa.
Cuidado com o comando Preserve Local Overrides.
Se for selecionado ele vai inundar seu código com estilos estranhos, e se voce tiver que fazer alguma correção vai ser a maior dor de cabeça.
Se não clicar, adeus negritos e italicos do texto, à menos que voce tenha feito o trabalho certo, criando um estilo de caractere para os italicos e negritos.


 Isso tambem já tinha no CSS5, assim como anexar ou não as fontes.

11 de mai de 2011

Indesign CS 5.5 - Altas novidades para conversão para epub

Estou quebrando a cabeça com as conversões para EPUB 3 com o InDesign CS 5.5
Tenho algumas boas novidades pra postar aqui.
Só me dêm mais um tempinho.
Meu tio Terry White muito me tem ajudado, e graças à ele tenho progredido bastatnte.
A esportação acrescentou muita coisa, eliminando as tarefas de retrabalhar os scripts depois de esportado o epub., e o principal, acho eu, é que agora com apenas 1 clique paraexportar e esperar alguns segundos, sua conversão para epub já está pronta.
Por favor, aguardem meus novos posts. Hoje a noite já caiu à muito tempo.

3 de abr de 2011

Mais magica pro carnaval da Tijuca - depois de tirar a cabeça é a hora de separar o corpo em 2 partes.

O mágico (?) David Coperfield aprontou mais uma. Saiu andando pelo palco com a parte de cima do corpo separado da parte de baixo.
Ou seja, serra a cintura ao meio e separa as 2 partes.
Legal. Bom show.
Mas ... ... ...

Sem sacanagem, mas se o Renato Barros usar esse truque na comissão de frente, eu paro de ver o desfile da Tijuca, no carnaval.

Acham impossível?
Na - Ni - Na - Não.
O cara pega qualquer ideia e taca lá na escola. E funciona.
O Laila da Beija flor disse que não faz magicas mas sim desfile/carnaval, mas cá entre nós, quem tá levantando a audiência, na verdade, é a Tijuca com seus efeitos especiais.
E dá-lhe Renato Barros.
Pra ver a apresentação do David Coperfield clica aí:



Não é dos melhores trabalhos do cara, mas é muito bom.
E volto a dizer, se o Renato Barros botar isso na comissão de frente, volto a torcer pela Mangueira.
.
E não se fala mais nisso.

28 de mar de 2011

Quark x Indesign - Novidades na conversão para E-book

Acho que pra maioria não é nenhuma novidade.
Finalmente o Quark resolveu resolveu correr atrás do prejuizo e vem aí a versão 9 com ferramentas para conversão.
Até o 8 tava uma briga. O Indesign só abre arquivos até o Quark 4, arquivos mais novos voce fica sem saber o que fazer.
Ou passa pro Word e rediagrama tudo ou corre atrás do plugin Q2ID do Markzware, que além de ser caro, inda tem atualização paga.
Duros tempos pra turma Quark.

Nessa corrida atrás do tal plugin acabei conhecendo mais o programa e vários grupos que utilizam e adoram o Quark.
Detestam a Adobe.
Reconheço que o Quark atropelou o Pagemaker durante bom tempo, e a saída Adobiana foi inventar o Indesign que mais parece uma mistura de tudo que havia na praça.
E não pararam aí, o CS5 tá com umas ferramentas para interatividade/multimidia muito boas, pelo visto o Flash vai ser o primeiro a dançar.

Mas eu falava do Quark, e espero a chegada de Abril pra conhecer essa nova versão.
Se alguém já conhece, por favor, me fale.
Quanto ao plugin do Markzware, desisti. Não tenho grana pra financiar o whysky do cara.